Nutrição simples e prática para seu dia a dia.

Para obtermos nutrientes para o funcionamento perfeito do nosso corpo, é necessário a ingestão de alimentos ricos em vitaminas e cálcio.

Então, apesar de muitas pessoas ainda não terem uma dieta balanceada e acabam comendo muitas besteiras no dia a dia, outras estão buscando cada vez mais a melhoria da alimentação e buscando um caminho mais saudável.

Nesse sentido, existem diversas opções de dietas para as pessoas que querem optar por uma dieta que vai trazer mais benefícios, ajudar a chegar em algum objetivo, entre outros.

Sendo assim, um quesito muito importante é procurar um especialista para recomendar dieta apropriada de acordo com o seu corpo, com os alimentos preferidos, entre outros.

Nesse artigo, vamos falar sobre a dieta vegetariana, aqui você poderá saber mais sobre ela e analisar se você pode se acostumar a esse modelo de alimentação.

Sendo assim, várias pessoas em busca de um estilo de vida melhor e mais saudável, estão optando pelo modelo de dieta vegetariana, chegando a aproximadamente 15% da população brasileiro.

Dessa forma, é perceptível que a dieta vegetariana está ganhando muito espaço no Brasil.

Nesse sentido, muitas pessoas estão decidindo optar pela dieta vegetariana por saúde ou só por quererem, entretanto, muitos estão preocupados com as questões éticas e também com o meio ambiente.

Então, a seguir você poderá saber mais sobre esse modelo de dieta, continue a ler este artigo e saiba mais sobre a dieta vegetariana, benefícios que podem te trazer, alguns pratos, entre outros.

Saiba mais aqui!

O que é uma alimentação vegetariana?

De acordo com a Sociedade Vegetariana Brasileira, “é considerado vegetariano todo aquele indivíduo que exclui da sua alimentação todos os tipos de carnes, aves, peixes e seus derivados, podendo ou não utilizar laticínios, ou ovos. O vegetarianismo inclui o veganismo que é a prática de não utilizar produtos oriundos do reino animal para nenhum fim, seja alimentação, higiênico, estético ou de vestuário.”.

Nesse sentido, é perceptível que vegetarianos são aqueles que abrem mão de alimentação ligada aos animais.

Então, quem faz uso da dieta vegetariana poderá ser classificado conforme o consumo de subprodutos animais, a seguir você poderá entender mais sobre isso.

  • Ovolactovegetariano: é aquele vegetariano que faz o consumo de ovos, leites e alguns derivados, por exemplo, coalhada, leites, iogurtes, entre outros, na sua alimentação.
  • Lactovegetariano: o lactovegetariano são aqueles que não faz o consumo de ovos, entretanto, faz o consumo de leite e derivados.
  • Ovo Vegetariano: são aqueles que consomem ovos, mas não consomem laticínios.
  • Vegetariano estrito: são aqueles vegetarianos que não utilizam nenhum derivado de animal na sua alimentação.
  • Vegano: são aqueles vegetarianos estritos que recursos qualquer tipo de coisa que tenha na composição animal, sejam alimentos, vestimentas como couro, lã e seda, além de produtos testados em animais.

Nesse sentido, os veganos são considerados como pessoas que escolhem um modo de viver com objetivo de excluir as formas de exploração e crueldade contra os animais, independente da forma de consumo.

Além das definições citadas, existem os “semivegetariano” e “flexitariano” que são definidos os indivíduos que consomem carne branca até três vezes no máximo por semana, dessa forma, aqueles que consomem carnes em menores quantidades em comparação a um indivíduo onívoro.

Muitas pessoas começam praticando a exclusão de carnes de alimentação utilizando a segunda-feira, em que é um dia destinado contra a utilização dos animais em comidas, roupas, entre outros.

Dessa forma, muitas pessoas não consomem carnes nas segunda-feiras.

Porque se tornar vegetariano?

Existem diversos fatores que podem influenciar na decisão de se tornar um vegetariano, então, a seguir vamos falar sobre elas.

Ética: muitas pessoas se tornam vegetariano com intuito de diminuir o sofrimento dos animais, tendo a noção que os animais podem sentir dores, sofrer, prazer e também sentirem felicidade, ou seja, é um indivíduo. Então, muitas pessoas tornam-se vegetarianas em busca de diminuir o sofrimento desses seres.

Saúde e bem estar: diversos estudos apresentaram ótimos efeitos em relação à saúde e bem estar dos indivíduos que passaram a consumir mais alimentos de origem vegetal e passaram a restringir alimentos com origem animal no dia a dia.

Preocupação com o meio-ambiente: de acordo com dados disponíveis através da Food And Agriculture e Organization (FAO), é possível perceber que de todas as atividades humanas, a pecuária é a que mais causa danos e prejuízos aos solos e contaminam os mananciais aquíferos. A emissão de gases que promovem o efeito estufa também é bastante perceptível na pecuária. Além disso, a pecuária chega a utilizar 30% das terras produtivas do mundo, fazendo com que outros 33% sejam destinados à produção de grãos que vão alimentar esses animais, sendo os principais responsáveis pelo desmatamento dos biomas da natureza em todo o mundo.

Espirituais, religioso e prática de yoga: algumas religiões e crenças, como o espiritismo, hinduísmo, budismo, adventismo, entre outras, preconizam a adoção de dieta vegetariana.

Além disso, muitos praticantes de yoga também têm uma dieta vegetariana a partir dos principais relacionados a energia, ética e saúde.

Outras pessoas que também adotam o vegetarianismo são aqueles que possuem alergia às proteínas presentes nas carnes, além daquelas pessoas que querem uma dieta mais leve e saudável.

Como iniciar uma alimentação vegetariana?

Quando nosso corpo é acostumado com um tipo de dieta, é necessário ir mudando gradualmente.

Por exemplo, aqui no Brasil ainda é um pouco difícil a presença de dietas vegetarianas, então, você deverá indo adotando a sua alimentação a uma dieta vegetariana aos poucos.

Então, o indicado é você indo fazendo as trocas da alimentação gradativamente, não deixando de comer tudo de uma vez.

Nesse sentido, é indicado começar pela campanha que existe de “Segunda sem carne”, então, todas as segundas-feiras os seus pratos serão sem carne.

Então, pouco a pouco você vai tirando na terça, quarta e por aí vai, até ficar sem consumir carnes.

Entretanto, vale salientar a importância que haja uma compensação em relação à ausência da carne, pois pode haver a falta de nutrientes sem a ingestão dela.

Dessa forma, é necessário a ingestão de outros alimentos para a substituição.

O que a pessoa vegetariana deve comer?

As pessoas que optarem por uma dieta vegetariana deve conhecer os grupos de alimentos e deverá combinar da melhor forma, fazendo com que consumam muitos nutrientes para manter o funcionamento perfeito do corpo.

Os principais alimentos consumidos pelos vegetarianos são:

Cereais: arroz integral, arroz branco, arroz selvagem, arroz negro, centeio, trigo, fartos, pães, aveia, milho, quinoa e alimentos preparados com ele.

Tubérculos e raízes: batata, batata-doce, mandioca, inhame, cará, entre outros.

Leguminosas: feijões, grão-de-bico, ervilha, favas, soja, entre outros

Verduras: alface, couve, repolho, acelga…

Legumes: tomate, beterraba, abobrinhas, chuchu, jiló, pimentão, berinjela, abóbora, pepino, entre outros

Frutas: banana, figo, uva, melancia, morango, kiwi, ameixa, jaca, laranja, jabuticaba, pêssego, caqui, entre outros.

Sementes como linhaça, chia, girassol, gergelim, entre outros

Oleaginosas como castanha-do-Pará, castanha de caju, nozes, amêndoas, avelã, entre outros.

Esses são os principais alimentos que você deve aderir quando opta por uma dieta vegetariana, pois nenhum desses alimentos possuem origem animal.

Ao ver os alimentos, você percebe que não é tão difícil aderir a esse modelo de dieta.

Entretanto, indicamos que procure sempre  um especialista, por exemplo, nutricionista, para definir a dieta vegetariana de acordo com as suas informações.

Você se inscreveu com sucesso em Nutricionando
Bem-vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Verifique seu e-mail para obter o link mágico para entrar.