Nutrição simples e prática para seu dia a dia.

A bergamota, que também é conhecida como mimosa, mandaina, mexerica ou Citrus deliciosa Tenore que é o seu nome científico, se trata de uma fruta da família das tangerinas, No entanto, ele é muito rica em vitamina C, vitamina A e antioxidantes que ajudam a prevenir alguns problemas de saúde. Como, por exemplo, a gripe, cancro, anemia ou até mesmo o infarto. Contudo, a fruta está se tornando cada vez mais popular devido os rumores dos benefícios do chá de Bergamota.

Além disso, a bergamota contém muito potássio, fibras e água, que ajudam a eliminar as fezes e controlar os níveis de açúcar no sangue. Além de combater e prevenir a prisão de ventre e diabetes.

Menor, mais achatada, com casca mais lisa e fina do que outros tipos da família das tangerinas, a bergamota pode ser encontrada em mercados ou supermercados. Além disso, costuma ser consumida em sua forma natural, inclusive em sucos, saladas, licores, bolos ou molhos. No entanto, a casca e folhas de bergamota serve para fazer chás e óleos essenciais, normalmente vendidos em lojas de produtos naturais.

Além disso, ainda existe uma variação de bergamota conhecida como "bergamota verde" ou Citrus bergamia. Esta bergamota é pouco conhecida e só é utilizada para produzir óleos essenciais.

Quais sãos principais benefícios da bergamota?

Após entender o que é a bergamota, é uma boa ideia conhecer os seus principais benefícios para a saúde humana. Portanto, veja a seguir quais os benefícios mais importantes desta fruta!

Tem ação no controle e prevenção de diabetes

Consumir bergamota com bagaço tem capacidade de agir no controle e prevenção do diabetes porque possui a pectina. Uma fibra encontrada na fruta, que ajuda a retardar a digestão dos alimentos e a absorção de açúcar no intestino, que faz regular a glicemia e o açúcar no sangue, além de regular o hormônio insulina no sangue.

Além disso, a bergamota, rica em fibras solúveis, promove a saciedade, reduzindo a fome e a vontade de ingerir doces.

Pode reduzir os triglicerídeos e o colesterol

As folhas e a casca da bergamota possuem muitas propriedades de óleos essenciais antioxidantes. Como, por exemplo, o limoneno e o terpineno, que possuem ação no combate dos radicais livres, na prevenção da oxidação das células adiposas e conseguem reduzir os níveis de triglicerídeos e colesterol no sangue.

Além disso, a abundante fibra de pectina na bergamota tem a capacidade de reduzir a absorção de gordura nos intestinos, diminuir os níveis de colesterol total e colesterol LDL. Além de atuar na prevenção de doenças como aterosclerose e ataque cardíaco.

Ajuda na perda de peso

A bergamota possui fibra solúvel e água em grandes quantidades, portanto, é capaz de promover a perda de peso, estender a saciedade e reduzir a fome.

Além disso, esta fruta também é baixa em calorias, tornando-se uma ótima opção para quem quer perder peso.

Pode atuar incentivando o tratamento de ansiedade e estresse

O óleo essencial de bergamota tem um efeito calmante no sistema nervoso central, melhora o humor e reduz a frequência cardíaca. No entanto, é isso que a torna uma alternativa interessante para tratar a ansiedade e o estresse.

Tem ação no controle e prevenção da pressão alta

Por ser uma fruta rica em água e potássio, a bergamota aparecer como um agente na ajuda para eliminar o excesso de sódio do corpo pela urina, na prevenção e controle da pressão alta.

Além disso, a bergamota possui muitos agentes antioxidantes, como, por exemplo, a vitamina A e vitamina C. Que, no entanto, podem combater e prevenir o excesso de radicais livres no corpo, manter a saúde arterial e melhorar a circulação sanguínea.

Regula o funcionamento do intestino

A bergamota se trata de uma fruta rica em pectina, que é um tipo de fibra prebiótica que serve com uma espécie de alimento para as boas bactérias do intestino. O que faz manter a função intestinal normal.

Além disso, esta fruta também é rica em água, que, junto com as fibras que também possui, ajuda a formar as fezes e facilita sua eliminação.

Pode ser muito útil ao tratar anemia

A bergamota é rica em vitamina C, que ajuda a absorver o ferro dos alimentos, principalmente dos feijões e vegetais. Portanto, isso favorece a sua ação na ajuda na formação da hemoglobina e no tratamento da anemia.

Ajuda a prevenir o câncer

A bergamota se trata de uma fruta muito rica em antioxidantes. Como, or exemplo, o ácido cítrico, vitamina A, vitamina C, flavonóides e óleos essenciais que estimulam o sistema imunológico e ajudam a combater o câncer.

Além disso, os antioxidantes presentes na fruta tem o papel de proteger as células do corpo dos radicais livres e previnem certos tipos de câncer. Como o câncer de mama, intestino e próstata.

Tudo sobre o chá de Bergamota

O chá de bergamota é um ótimo remédio caseiro que atua acalmando e diminuindo os sintomas de depressão. Pois, atua no cérebro para estimular o bom humor. Além disso, o chá de bergamota ainda pode te proporcionar parte dos benefícios acima. Então, veja como fazer este chá!

Ingredientes

  • 1 xícara de chá de água;
  • 20 g das folhas de bergamota.

Como preparar?

Coloque as folhas de bergamota em um recipiente com água fervente e deixe de molho por cerca de 10 minutos. Em seguia, você deve coar e beber o chá várias vezes ao dia.

As folhas de bergamota são nutritivas e têm um efeito calmante, deixando as pessoas mais relaxadas e reduzindo a tensão e o estresse. Portanto, este remédio caseiro também pode ser usado para insônia. Então, tome uma xícara antes de dormir para uma boa noite de sono.

Curiosidades sobre a bergamota

A bergamota, uma das frutas mais populares da Serra Gaúcha, é uma relação de amor e ódio por excelência. Além disso, algumas pessoas não conseguem viver sem frutas, principalmente nos dias ensolarados de inverno, e algumas nem conseguem viver sem o cheiro.

Pensando nisso, vamos mostrar a seguir algumas curiosidades interessantes sobe a bergamota!

É descendente da tengerina

O verdadeiro nome da tangerina é Citrus reticulata. Ela surgiu no sudoeste da Ásia tropical e subtropical, na Índia e na China de hoje. Na Idade Média, chegou à África e depois à Europa. No Brasil, a bergamota foi mencionada pela primeira vez em 1817.

A história da bergamota no Brasil

A região sudeste é a maior produtora de bergamota, e na sequência aparece a região sul. São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul são os estados com a maior produção desta fruta. No entanto, no ano de 2017, cerca de 50.000 de hectares no Brasil de plantação produziram cerca de um milhão de toneladas de bergamota.

O consumo da bergamonta

No Brasil, o estado que possui o maior consumo de bergamota é o Rio Grande do Sul (com cerca de 3,89 kg por pessoa a cada ano). Ela se trata de companhia da boas para os dias frios, mas pode serve para fazer suco, bolo, geleia, chá e muito mais!

Tudo sobre a fruta

A bergamota possui de 9 a 13 gomos, de acordo com a sua variedade. Além disso, entre as frutas cítricas, é a mais adaptada ao clima, com seu suco representando aproximadamente 43% do peso total.

Você se inscreveu com sucesso em Nutricionando
Bem-vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Verifique seu e-mail para obter o link mágico para entrar.