Nutrição simples e prática para seu dia a dia.

O Ômega-3 é um ácido graxo que desempenha uma função crucial para quem quer manter uma dieta saudável. Isso porque as gorduras proporcionadas pelo Ômega -3 são importantes para crianças e adultos, tendo em vista que desempenham um papel indispensável no desenvolvimento e crescimento, assim como trazem diversos tipos de benefícios à sua saúde. Dessa forma, suplementos de Ômega -3 para crianças podem ser excelentes opções para os pais que desejam ver os seus filhos crescerem fortes e com saúde.

Esse suplemento é tão importante para o desenvolvimento das crianças que caso ele não seja ingerido em quantidades indicadas, isso pode trazer sérios prejuízos a inteligência, audição, fala e a capacidade psicomotora das crianças. Isso porque o Ômega -3 é responsável por atuar especificamente no desenvolvimento de todas as funções cognitivas de crianças. Pensando nisso, criamos o texto abaixo para falar um pouco mais sobre a importância deste suplemento, os benefícios, contra indicações e muito mais. Sendo assim, para ficar por dentro dessa e de outras informações importantes sobre o tema, continue a leitura do texto abaixo e tire todas as suas dúvidas.

Sobre o consumo de ômega -3 pelas crianças

O Ômega -3 é um nutriente essencial e deve ser incluído na dieta de crianças e adultos de forma regular. Entretanto, é comum que a quantidade recomendada deste alimento não seja atingida com o consumo de alimentos diários. Até pouco tempo, especialistas afirmam que seria necessário ingerir pelo menos 250 mg de Ômega -3 ao dia. Porém, recentes estudos demonstram que existe uma necessidade de ingestão desse nutriente de pelo menos 1 g ao dia, devido à importância das suas propriedades e de tudo que elas desempenham no corpo humano.

Sendo assim, a tendência do consumo deste tipo de nutriente aumentar, de modo a equilibrar a saúde do corpo e trazer excelentes benefícios, como é o caso da regulação dos mecanismos anti-inflamatório nosso corpo, assim como na prevenção do desenvolvimento de determinadas patologias complexas que podem surgir a médio e a longo prazo. Portanto, ele desempenha benefícios em praticamente todas as áreas do corpo humano.

Qual o melhor momento para adicionar ômega-3 a dieta das crianças?

Comer grandes quantidades de ômega 3 na dieta de uma criança pode oferecer vários benefícios. De acordo com um estudo publicado na revista, pode ser possível reduzir a incidência de alergia e outros processos do tipo autoimune. Até o risco de desenvolver asma, que geralmente ocorre na infância, é reduzido. Por outro lado, a adição de suplementos de ômega 3 à dieta das crianças pode ter efeitos positivos no nível neurológico. Segundo pesquisas, os sintomas do autismo podem ser reduzidos, facilitando a resolução do problema.

No entanto, em qualquer caso, pode não ser apropriado considerar a suplementação. Apesar de ser um nutriente com pouco risco em altas doses, é melhor ajustar sua ingestão individualmente. Como regra geral, crianças com certas condições neurológicas, crianças com inflamação crônica ou crianças com doenças autoimunes se beneficiarão da inclusão de ômega-3 em suas dietas.

Como fazer a inclusão do ômega-3 na dieta?

A suplementação do Ômega -3 é capaz de ajudar a obter uma grande quantidade deste nutriente no sangue, no entanto, isso não quer dizer que fazer uma boa alimentação deve ser evitado, tendo em vista que é possível obter excelentes quantidade deste nutriente a partir de uma dieta bem feita e com os alimentos ideais. Consegui comer pelo menos 250 mg de Ômega -3 através de uma alimentação adequada e de uma boa dieta seria a melhor opção. No entanto, se isso não for possível, é necessário que a pessoa recorra a suplementos que possuem esse tipo de nutriente que podem ser encontrados em qualquer farmácia ou mercado.

Mas se você prefere evitar suplementos e pretende obter todos os nutrientes que precisa através de uma boa alimentação, fique sabendo que existem algumas opções de alimentos que devem ser ingeridos e que são capazes de oferecer toda a quantidade de Ômega -3 que você precisa ao longo do dia. Para isso, você deve ingerir com regularidade esses tipos de alimentos, como é o caso do peixe gordo e do salmão. Esses dois tipos de peixes são capazes de fornecer até 100% de toda a quantidade diária de Ômega -3 que você precisa e é recomendado pelos especialistas. Tudo isso em apenas uma porção do alimento. Além do mais, você também pode fazer a inclusão de determinados vegetais oleosos, como é o caso das nozes e do abacate.

Outra opção de alimentos que também é capaz de fornecer 100% de toda a quantidade necessária de Ômega -3 que você precisa ao longo do dia são as sementes. Elas são de grande ajuda para quem deseja introduzir este suplemento no organismo. É interessante deixar claro que essas sementes precisam ser consumidas a partir de um processo de trituração feito, de modo que todas as fibras das sementes irrompam e facilitam a absorção dos nutrientes pelo intestino. Se você fizer a ingestão das sementes inteiras, não será possível ter acesso a todos os nutrientes que elas podem oferecer. Logo, fique atento antes de sair por aí comendo semente sem prestar atenção no seu preparo.

Se você prefere consumir alimentos advindos à base de carne, é interessante que você opte por aquelas opções de carne bovina que vêm de animais alimentados a partir do pasto. Isso ocorre porque a dieta que os bois têm possui uma influência direta na forma como os lipídios são distribuídos em seu interior. Quando os dois passam a viver em liberdade e fazem o consumo apenas de grama com alta qualidade, isso pode aumentar de forma significativa a quantidade de Ômega -3 que está presente em seu interior no que diz respeito aos nutrientes necessários ao funcionamento do organismo. Isso pode ser considerado bastante positivo e levado em consideração na hora de escolher o tipo de carne que você irá consumir.

Benefícios do ômega-3 para as crianças

Assim como já foi mencionado em tópicos anteriores, fazer uso do suplemento Ômega -3 e inseri-lo na dieta das crianças pode trazer inúmeros benefícios à saúde dos pequenos. Entretanto, você não pode fazer a inserção deste tipo de alimentação na dieta das crianças de forma aleatória e sem qualquer consulta com uma pessoa. O ideal é que você consulte um especialista, seja ele um nutricionista ou médico para que ele analise a situação de cada uma das crianças. Isso porque os alimentos que são consumidos diariamente na dieta das crianças já podem ser suficientes em relação à quantidade de Ômega -3 que é consumida e a que é indicada pelos especialistas.

Finalmente, aconselhamos que você sempre mantenha o consumo regular de todos os nutrientes relacionados ao Ômega -3, de modo a prevenir qualquer tipo de deficiência a médio prazo. Ao deixar de consumir as quantidades indicadas pelos especialistas, você pode desenvolver diversos tipos de ineficiências que atingem o seu sistema fisiológico, assim como aquelas que seriam responsáveis por condicionar o desenvolvimento de determinadas patologias crônicas, assim como as complexas ao longo do tempo. De forma simples, podemos dizer que as pessoas que não consomem Ômega -3 regularmente podem apresentar diversos tipos de doença no futuro. Em qualquer caso, recomendamos a consulta com um especialista para obter um melhor direcionamento e a melhor orientação.

Você se inscreveu com sucesso em Nutricionando
Bem-vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Verifique seu e-mail para obter o link mágico para entrar.