Nutrição simples e prática para seu dia a dia.

O Crossfit é conhecido como sendo um dos maiores problemas de condicionamento de força que as academias utilizam. Diversas instituições utilizam esse tipo de programa, como é o caso de atletas profissionais, equipe de operações táticas, unidades militares e até mesmo academia de polícia. Nesse tipo de treinamento, os praticantes têm acesso a uma vasta gama de exercícios aeróbicos, ginástica, levantamento de peso e treino de core (29 pares de músculos capazes de oferecer suporte a toda a região da lombar, pélvis e bacia).

No entanto, por se tratar de um programa de treinamento de bastante impacto e gasto calórico, é necessário ter uma dieta para CrossFit. Ela precisa ser indicada por um nutrólogo ou nutricionista, conforme o objetivo do praticante de atividade física, bem como o gasto de calorias realizado durante a prática dos exercícios.

Qual é a dieta para CrossFit?
Photo by Alora Griffiths / Unsplash

Nesse caso, indicando que sejam feitas dietas ricas em calorias, minerais e vitaminas, nutrientes responsáveis por proporcionar mais energia para longas durações de treinos, bem como facilitando a recuperação dos músculos evitando qualquer tipo de lesão. Isso porque o Crossfit é visto como uma atividade com muita intensidade, que exige dos praticantes bastante preparo e uma boa alimentação, rica principalmente em proteínas magras e em verduras.

No texto a seguir, iremos falar um pouco mais sobre a dieta para o Crossfit e quais são os melhores alimentos indicados para os atletas praticantes desta modalidade. Logo, se você tem interesse em ficar por dentro de todas essas informações, recomendamos continuar a leitura do texto abaixo e tirar todas as suas dúvidas.

O que é o crossfit?

O método de treinamento militar, que deslanchou nas academias de todo o Brasil e conquistou o apoio de celebridades de todo o país, continua conquistando um número crescente de pessoas que buscam não apenas perda de peso e definição, mas também saúde e bem-estar. O procedimento, chamado de crossfit, é usado há muito tempo por academias de polícia, unidades militares, equipes de operações táticas e atletas profissionais em todo o mundo. Este modo combina treinos de alta intensidade com atividades intercaladas que combinam força e condicionamento.

Mas além do enorme esforço físico, o esporte inspira os praticantes a desenvolverem novos hábitos saudáveis, desde a mudança de pequenas rotinas até intensa reeducação alimentar. Os estilos de exercícios são os que mais crescem no mundo nos últimos anos e se tornaram uma tendência em praticamente todas as academias de musculação.

Este método se baseia principalmente nos exercícios de alta intensidade, com diversas variações, como é o caso do levantamento de peso, do condicionamento metabólico, do Cardio o mesmo da ginástica olímpica. Todas essas atividades são extremamente dinâmicas e fazem com que esse trânsito torno dos mais populares entre praticantes de exercícios e atividades físicas.

Alimentos que devem ser consumidos antes do treino

O pré treino das pessoas que praticam Crossfit deve ser consumido pelo menos 1 hora antes do treino. Isso faz com que a comida tenha tempo suficiente para completar o ciclo de digestão, assim como os nutrientes e o oxigênio possam ser canalizados para os músculos do atleta. Antes do treino, os praticantes devem optar por comer alimentos que sejam ricos em carboidratos e calorias, como é o caso da vitamina, tapioca, frutas, aveia e pão.  Além do mais, também é indicado para os atletas adicionar uma foto de proteínas e gorduras boas, que podem trazer mais energia de maneira um pouco mais lenta, isso fará com que ele tenha uma ajuda extra no final do seu treino.

Algumas combinações bastante interessantes que o praticante de Crossfit pode utilizar para comer antes do seu treino são: iogurte natural com mel e banana, e uma fatia grande de queijo com ovo cozido. Além do mais, também é interessante comer um sanduíche com ovo frito e pão integral, queijo e azeite misturado a um copo de vitamina de banana e pasta de amendoim.

Produtos para serem consumidos ao longo do treino

Caso você goste muito tempo durante o seu treino e a sessão dure mais de 2h00, especialistas recomendam fazer o consumo de fontes de carboidratos que sejam de digestão rápida, capazes de manter a energia necessária para o seu corpo continuar a sessão de treinamento.

Nesse caso, você pode consumir frutas amassadas misturadas a mel de abelha ou mesmo buscar ajuda em suplementos nutricionais, como é o caso da palatinose e da maltodextrina, ambos diluídos em água. Outra opção muito interessante para quem prefere tomar suplementos é o BCAA. Este suplemento é responsável por fornecer ao seu música diversos aminoácidos que podem dar energia, bem como aumentar o processo de recuperação da sua musculatura após e durante o treino.

Alimentos para serem consumidos após o treino

Tendo em vista que se trata de um treino de alta intensidade e com exercícios que exigem muito da musculatura do praticante, alimentos que devem ser consumidos após o treino devem ser ricos em proteínas, como é o caso do peixe, frango e das carnes magras, que são essenciais para que o atleta realizar uma boa refeição depois de todo o gasto calórico do treino. Você pode fazer uso desses alimentos em sanduíches, junto com arroz, no almoço ou até mesmo acompanhado de salada, ou macarrão.

Se você não tiver condições de fazer uma refeição com bastante proteína, será necessário recorrer a suplementos proteicos para trazer a complementação que você precisa em sua dieta para Crossfit. Para isso, uma boa dica é buscar o Whey protein e diversas outras opções de proteína em pó disponíveis no mercado. Você pode inclusive adicionar esta proteína a uma vitamina de leite, aveia e frutas.

Preciso recorrer a suplementos?

Como dito antes, os suplementos são opções que podem ajudar a potencializar os resultados de pessoas que praticam CrossFit. Isso porque muitas vezes, não é possível obter todas as calorias necessárias à manutenção do seu corpo apenas com uma dieta para CrossFit. Logo, recorrer a opções suplementares para obter mais nutrientes que o corpo precisa na construção muscular.

Conforme especialistas na área, grande parte das pessoas que praticam esta modalidade de atividade física costumo procurar pelo suplementos que oferecem o maior suporte no seu organismo e melhoram a super formação ao longo do treinamento.

No entanto, dependendo de cada uma das pessoas, saiba que não é necessário buscar os suplementos para obter melhores resultados. Isso porque a depender dos objetivos e do tipo de biotipo, dificilmente existe a necessidade de recorrer a suplementos para melhorar o seu condicionamento e a super performance.

Porém, algumas pessoas precisam fazer uma reposição das vitaminas e os minerais, até mesmo de outros nutrientes antioxidantes e anti-inflamatórios. Isso porque o ritmo do treino acaba fazendo com que ela perca esses nutrientes. Logo, é necessário buscar suplementos que sejam capazes de proporcionar essa reposição.

Por fim, cumpre destacar que é necessário sempre buscar ajuda de um profissional qualificado para trazer as melhores soluções e tratamentos de acordo com as necessidades e os casos as pessoas. Isso porque, cada caso é um caso e cada pessoa possui um organismo diferente da outra. Sendo assim, o que é bom para uma pode não ser bom para outra. Daí se extrai a importância de um acompanhamento de um bom profissional para trazer orientação necessária.


Você se inscreveu com sucesso em Nutricionando
Bem-vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Verifique seu e-mail para obter o link mágico para entrar.